Lembranšas
Computadores dos anos 80
Computador de uso pessoal? Notebook? Pen-Drive? Certamente para quem viveu os anos 80 essas e outras palavras não passavam pela cabeça nem em quem era ligado aos assuntos de tecnologia naquela época. Mas quando o computador foi realmente criado? Em 1945, Jay Forrester e Kenneth Olsen criaram um protótipo de computador e em 1951 o primeiro computador de forma comercial foi produzido. Mas qual era o principal problema deste 1º computador? Era que ele ocupava nada mais nada menos do que 32,5 metros quadrados e pesava mais de 7,2 toneladas. Acho que era um pouco difícil tê-lo em casa...rsrs...


Conforme os anos iam passando, os computadores se tornavam menores e foi nos anos 80 que começou a se tornar bem popular, já que nesta época foram criados os 1ºs computadores de uso pessoal e ao alcance de todos, ao mesmo tempo em que eram criados programas especiais que fariam toda a diferença (como o famoso sistema operacional chamado DOS). Irei descrever abaixo os computadores dos anos 80 que mais fizeram sucesso:

No início dos anos 80 já existiam mais de 1 milhão de computadores nos Estados Unidos e destes, muitos já possuíam acesso à rede de Internet (Na década de 70 era usado apenas pelos militares americanos). Com a popularização dos computadores muitos modelos surgiram, sendo os principais fabricantes as empresas IBM, Cray Research, Compaq, Texas Instruments, Apple, Atari, Commodore, Radio Shack e Prológica.

IBM-PC – Lançado em 1981, este computador super básico custava uma fortuna. Equipado com processador Intel de 16 bits. Foi uma revolução na época em que foi lançado sendo que o seu sistema foi clonado por várias empresas.

TK-85 – Este computador foi um clone do Sinclair ZX-81 fabricado no Brasil pela empresa Microdigital Eletrônica. Utilizava um microprocessador Z-80A de 8 bits e tinha impressionantes 16kb e 48kb de memória RAM, o que na época era considerado um grande avanço. Logo depois foram lançadas outras versões como o TK-90 e o TK-95.

MSX – Lançado pelos Japoneses em 1983, utilizavam a linguagem BASIC da Microsoft e possuía uma qualidade gráfica e de som muito bom. Teve um grande sucesso no Japão, o que não repercutiu fora. Um dos destaques do MSX era que o seu sistema era similar aos criados pelas empresas SONY e Toshiba.

Atari 400
– Microcomputador lançado em 1979 pela Atari e que visava o público infantil. Possuía processadores avançados na época de gráfico e som. Logo foi substituído pelo modelo “Atari 800” em 1980.


Gradiente Expert – Como os aparelhos que eram desenvolvidos nos Estados Unidos eram uma fortuna para serem lançados por aqui, a Gradiente lançou este em 1986 que seria o mais comum e relativamente barato se comparado aos do exterior. Usava o processador Zilog Z80-A.0020

Radio Shack TRS-80 – Desenvolvido pela Tandy Corporation, sendo conhecido aqui no Brasil pelos modelos CP-300 e CP-500 , os quais foram lançados pela empresa Prológica.

CP 200 – Série de modelos de computador produzido pela empresa Prológica em 1982 no Brasil e era uma cópia das máquinas concorrentes diferenciando pelo seu gabinete e alguns objetos adicionados como o monitor de vídeo e a fonte de alimentação externa. Os outros modelos foram o modelo CP200S, CP300 e CP 400.

Commodore 64 – Lançado em 1982, foi o maior sucesso da companhia Commodore. O modelo C64 de 8 bits destacou-se mais como uma máquina de games do que como um computador pessoal. Depois dele a companhia lançou em 1987 o modelo “Amiga 500”, possuindo 16 bits, o que superava o modelo C64. A empresa faliu em 1994.

Macintosh – Lançado em 1984 pela Apple, tornou-se extremamente popular ao ser lançado durante o jogo da Super Bowl nos Estados Unidos. Foi o 1º computador pessoal a popularizar a interface gráfica, isto é, com tratamento de vídeo, imagens e sons. Possuía 128 Kb de memória RAM em sua 1ª versão, sendo lançada logo em seguida a versão de 512kb de memória RAM.

Compaq Portable – Modelo de 1982 da Compaq, era compatível 100% com o IBM. Usava o sistema MS-DOS e um microprocessador Intel 8088 e memória de 128 kb. Foi um dos computadores mais populares da época.


Cray X-MP – Série de modelos da Empresa Cray Research, dominou a área de computadores devido ao seu design inovador e colorido para a época, além de ser a linha mais rápida entre os anos de 1983 e 1985. A empresa faliu em 1989.

Jupiter Ace – Destacou-se em 1983 por um tempo por possuir uma linguagem chamada “Forth”. Foi vendido nos EUA com o nome de Jupiter Ace 4000, porém não teve muita popularidade e a empresa faliu 7 meses após lançar este computador.

CCE MC-1000 – Lançado em 1985 aqui no Brasil pela empresa CCE, este modelo utilizava a linguagem BASIC Applesoft, assemelhando com o modelo da Apple. Uma curiosidade é que quando superaquecia, tinha que tirá-lo da tomada pois não tinha um interruptor para desligá-lo.

Estes foram alguns dos modelos lançados nos anos 80 e houve vários outros computadores produzidos e lançados na mesma época, alguns inclusive com sucesso de vendas, mas o que nunca poderemos nos esquecer é que todos os computadores lançados nos anos 80 foram, na verdade, verdadeiros protótipos para a nova geração de super computadores que seriam lançados nas décadas seguintes até chegar aos potentes PCs atuais e aos aparelhos portáteis como o Ipad e outros.

Reynaldo Rivero