Notorious
B52's - Cosmic Thing

Contra Capa da versão vinil

Este é 5o álbum inédito da minha querida e Mais New Wave Banda de todos os tempos, foi o último a ser lançado na década de 80, e veio como um “renascimento” para a Banda. Isso aconteceu pelo seguinte: depois do estouro do sucesso “Legal Tender” do 3º álbum, “Whammy!”, eles ficaram um pouco parados.

O 4º álbum foi marcado pela morte de Rick Wilson um pouco antes de seu lançamento em 1986, e não fez tanto sucesso quanto o esperado.

Porém, em 1989 ele voltam com tudo, e este álbum tem 2 músicas que todo mundo fico conhecendo: “Roam” e Love Shake”!


Lado A da versão tape

 

Os outros sons deste álbum, como vamos ver abaixo, não foram tão tocadas nas rádios, e nas pistas de dança. Porém, todas não perdem o estilo do B-52´s. Acho que “Deadbeat Club” e “Channel Z” foram menosprezadas, e poderiam ter virado sucesso nas rádios também.

Faixa - a - Faixa

Dry Country – esta é um pouco mias lenta e melodiosa do que as outras do álbum, porém, vale a pena prestar atenção na sua letra.

Deadbeat Club – Eu considero este som do B_52 não-dançante, porém uma das mais gostosas prá se ouvir, com calma. Isso mesmo! Esta banda extremamente divertida sabe fazer um som calmo e agradável, bom prá ouvirmos dirigindo em uma estrada.

FICHA

B52's - Cosmic Thing
Data de Lançamento:
1989
Número de Faixas: 10
Tempo Aproximado: 42 min

Faixa-a-Faixa:

01.
Cosmic Thing 3:50
02. Dry Country 4:54
03. Deadbeat Club 4:45
04. Love Shack 5:21
05. Junebug 5:04
06. Roam 4:45
07. Bushfire 4:58
08. Channel Z 4:49
09. Topaz 4:20
10. Follow Your Bliss 4:08

Produção - Nile Rodgers & Don Was

Gravadora: Reprise Records

Love Shack – Esta música é uma festa completa, pura e simplesmente, assim como o próprio cideo clip nos mostra. Fala de várias formas de Amor, não tão formal! Rsrsr No final da música, eles usaram até uma expressão, onde o Fred (vocalista), se assusta a receber a notícia de que a sua “garota” está grávida. É nisso que pode dar... muito “Love Shack!”

June Bug – Com toda a diversão que o B-52 trabalha (sim, eles trabalham por pura diversão, tanto gravando os álbuns como nos shows), nesta música eles colocaram até barulhos da floresta, acompanhando o nome da música.

Roam – Uma das músicas que fez mai sucesso do álbum, e com certeza todo mundo sabe cantar um pedacinho. Não é a loucura de sempre do B-52´s, e consegue ao mesmo tempo ser a cara da banda 100%.Linda demais!


Lado B da versão vinil

Bushfire – sempre com os devidos agudos da Cindy e da Kate no meio da música, não perde a característica das músicas da bnada.

Channel Z – esta é tão dançante quanto Love Shake, o clip é uma loucura total, é uma pena que não seja tão conhecida pela maioria.





capa da versão tape


Topaz – eu sempre achei que esta música foi composta prá acalmar crianças. Prá mim, é o que parece, mais é linda!


Paully