Notorious
Human League - Romantic?

 


Vinil do Single
"Heart Like a Wheel "

Contra Capa de "Soundtrack to a Generation"


Lançado em 1990, este foi o 9º álbum da carreira desta maravilhosa banda, destaque para os singles: ''Heart Like a Wheel'' e ''Soundtrack To a Generation''. Sendo que o primeiro, foi um hit daquele ano, além de fazer parte de seus maiores sucessos, com presença marcante na pista da Autobahn hoje em dia, revivendo o clima das principais casas noturnas dos anos 80. Vamos conferir faixa a faixa deste inesquecível LP:

Faixa -a - Faixa:

FICHA

"Human League - Romantic? "
Data de Lançamento:
1990
Número de Faixas: 10
Estilo: Synth-pop

Faixa-a-Faixa:

01. Kiss The Future 4:13
02. A Doorway? 4:21
03. Heart Like A Wheel 4:28
04. Men Are Dreamers 3:54
05. Mister Moon And Mister Sun 3:54
06. Soundtrack To A Generation 4:35
07. Rebound 3:56
08. The Stars Are Going Out 4:05
09. Let's Get Together Again 5:00
10. Get It Right This Time 4:13

Cello - Mark Davies, Rachel Maguire , Robert Woollard
Coordenador - Jo Slee
Bateria - Andrew Paresi
Engenheiro de Som - Steve Williams (6)
Teclados - Neil Sutton
Guitarras
- Russell Dennett
Design - Caryn Gough
Fotografia - Anton Corbijn
Produção, Baixo, Guitarra - Stephen Street
Viola - John Metcalfe
Violino - Fenella Barton , Richard Koster
Vocais, Letras e Capa - Morrissey

Gravadora - Virgin

 

1 -Kiss The Future:
Ao ouvir esta song, pode se comparar com o ritmo Flash House da metade dos anos 80. Porque a levada dela, soa como algo do tipo TKA, Bardeaux, etc. Lembra um pouco também o Heaven 17, banda de Martin Ware e Ian Marsh, depois que saíram do Human League. Não deixa de ser interessante.

2 - A Doorway?:
''Muito bacana'' é o que defino para esta. Uma mistura de dance e synthpop, tanto nas batidas, quanto nos arranjos. Confesso que depois que ouvi, me surpreendi...esse é Human League. Entraram nos anos 90, renovados e já antevendo o que iria acontecer no mundo musical. A voz das meninas lembram muito o Pink Industry, com uma batida mais synthpop.


Capa do Single de "Heart Like a Wheel "

3 - Heart Like A Wheel:
Na minha opinião, a melhor música deste álbum. Ela é dançante e tem um balanço muito legal que vai do começo ao fim. Além de ter tocado bastante nas rádios fms da época, junto com seu clipe nos programas especializados, como Clip Trip e Shock. Foi trilha sonora da novela global ''Barriga de Aluguel''.

4 - Men Are Dreamers:
Uma lenta bem com cara de anos 80, new romantic mesmo. Lembra o som dos grandes amores oitentistas, ideal para ouvir a dois.

5 - Mister Moon And Mister Sun:
A letra desta song é simplesmente linda. O refrão diz: ''Oh Sra Lua e Sr Sol, nossa vida acabou de começar. Oh Senhor Sol e Senhora Lua, não deixem este momento ir embora tão cedo''.

6 - Soundtrack To A Generation:
Uma das faixas que destaquei no começo desta matéria que também tem video clipe. É uma das que mais se parece com a o Human League do começo dos anos 80. É muito gostosa de escutar num final de semana, uma das obras-primas desse álbum.

7 - Rebound:
''É uma viagem interplanetária!"...realmente, dessas que você tem que fechar os olhos e entrar em transe total. Sintetizadores viajantes ao lado da maravilhosas vozes de Joanne e Susan. Os teclados chegam a lembrar a melhor fase do Depeche, na fase mais experimental da banda até 1985.

8 - The Stars Are Going Out:
Outra bem lenta deste álbum. Vale à pena ouvi-la, percebe-se o som dos sintetizadores, bem completa mesmo.


Capa do Single "Soundtrack to a Generation"

9 - Let's Get Together Again:
Igual aos remixes que invadiram o final e o começo dos anos 90. Na verdade, foi feita na base deles.

10 - Get It Right This Time:
''Oh, você sabe, nós vamos acertar desta vez. Eu poderia estar lá em cima com você tão alto, menina. (Eu realmente amo você, baby)." A letra é quase uma poesia, letra bem romântica, ao melhor estilo Human League.

Bem galera, foi um prazer e ao mesmo tempo um presente, escrever sobre este ''trio'' sensacional. É uma das minha bandas preferidas e cada vez mais, vou aprendendo, descobrindo e conhecendo estes trabalhos destes artistas que marcaram toda uma geração.

Marco Paulo Vieira