Notorious
Sigue Sigue Sputnik


Parte de trás do CD

Edição Japonesa do Vinil "Lado A"

Eles se consideravam a 5ª geração do Rock n´Roll;
Eles se vestiam com roupas extravagantes e tinham um estilo próprio musical;
Quem eram eles?

Para contar essa historia precisamos recorrer ao Billy Idol.

Na década de 70, Billy Idol tinha uma banda chamada Generation X onde o guitarrista Tony James atuava, porém no início da década de 80 a banda se desfez e Tony James resolveu criar uma banda diferente de tudo que já havia existido. Sua procura era por pessoas que não tivessem experiência musical e assim conheceu através de um amigo, o guitarrista Neal X. Posteriormente foram agregados Martin Degville que viria a ser o vocalista da banda e Yana Ya-Ya, que seria a tecladista e responsável pelos efeitos sonoros, ambos eram donos de uma loja de roupas. Degville possuia um visual excêntrico, com topete colorido e Yana com uma vasta cabeleira platinada tipo Drag-Queen e com isso, Tony James estava começando a idealizar o que seria a banda.

A banda ainda sem nome se apresentava no Paris Gibus Club em Paris com a ajuda do também ex-baterista do Generation X, Mark Laff, tocando rock dos anos 50 e 60.
Seguindo a teoria de que os músicos não deveriam saber nada de musica, foram agregados à banda os aspirantes a bateristas, Ray Mayhew e Chris Kavanagh,ambos tiveram aulas práticas com o próprio Tony James. Nesta época eles contavam com a ajuda do ex-integrante do The Clash – Mick Jones, desde transportar os equipamentos de som em seu carro até presentear Tony James com um sintetizador.

Tony lendo um artigo no jornal viu um nome de uma gang de rua russa chamada Sigue Sigue Sputnik, algo como ''Queime, Queime Satélite'' e achou interessante criando inclusive um logotipo com uma estrela vermelha e as 03 letras indicando as iniciais do nome, SSS, e que ficou sendo a marca registrada da banda.

Começaram a ensaiar suas próprias composições, como Love Missile F1-11, Teenage Thunder e She´s My Man e se apresentam até em colégios para divulgar os trabalhos,fazendo camisetas com identificação da banda. Começam a surgir notícias da existência de uma banda de transexuais e assim atrairam a atenção das gravadoras e a EMI resolve apostar as fichas nesta irreverente banda.

Em 1986 o single Love Missile F1-11 chega ao primeiro lugar nas paradas inglesas e aqui no Brasil é sucesso nas pistas de dança. O single inclusive é lançado no Brasil antecedendo o 1º trabalho da banda, trazendo 02 versões de Love Missile F1-11 (Extended Version e Dance Mix) e Hack Attack. O público queria imaginar como seria o álbum, pois LMF1-11 era completamente diferente de tudo que era convencional, tiros, explosões, bits de Mozart, vocais de trás pra frente, rifs de guitarra distorcidas e ressonâncias, acelerando ou diminuindo o pitch dos vocais.

 
FICHA

  "Sigue Sigue Sputnik - Flaunt It "
Data de Lançamento:
1986
08 faixas, 43 minutos, aprox.

Faixa a Faixa:
01. Love Missile F1-11
02. Atari Baby
03. Sex Bomb Boogie
04. Rockit Miss U.S.A.
05. 21st Century Boy
06. Massive Retaliation
07. Teenage Thunder
08. She's My Man

Produzido por: Giorgio Moroder
Engenheiro de Som:
Brian Reeves

Gravadora: EMI

Edição Japonesa do Vinil "Lado B "

Enfim saiu no mesmo ano o álbum ‘’Flaunt It’’ produzido por nada mais, nada menos que o genial Giorgio Moroder. O SSS apelou até para propagandas com jingles de produtos que foram inseridas entre uma faixa e outra. Mais tarde a EMI vetou essas propagandas e a exemplo disso a edição brasileira já não as tem. O detalhe é que as músicas são basicamente inspiradas em Love Missile F 1-11, contendo trechos de sinfonias de Bethoven, Mozart entre outros e sendo assim, vamos à analise das faixas:

Love Missile F1-11 (Re-Recording Part II)
– Mais uma bela jogada do SSS, pois no álbum é lançada a Parte II da música com mais inovações inesperadas e com uma abertura apoteótica aos gritos de “I Wanna Be a Star” e dá-lhe foguetes, bombas, mísseis e explosivos.

Atari Baby – Faixa mais comportada da banda no quesito melodia, mas a letra fala de sexo como sendo um jogo virtual.

Sex Bomb Boogie – Na mesma linha de LMF-1-11 e o sexo agora relacionado a mísseis, bombas, foguetes e até lança chamas. Mais explosivo impossível!!

Rockit Miss U.S.A. – A letra fala de suicídio e o perigo constante de uma guerra nuclear. A melodia também é menos acelerada, mas o clima é de guerra e destruição.

21st Century Boy – Na mesma linha de LMF-11...oops mais isso eu já disse antes... pois é a influência é grande. A música fala de futurismo e da nova era da televisão no século 21. Uma demonstração do mundo materialista onde tornamos os produtos a nossa volta mais importante do que as pessoas. É também o 2º single de trabalho da banda.

Massive Retaliation – Hong Kong, Bangcoc, Moscou e mais ataques e assassinatos. A guerra continua.

Teenage Thunder
– Uma admiração de um adolescente e suas fantasias. As músicas do SSS sempre envolviam sexo e delírio espacial.

She´s My Man
– A mutação de uma mulher e um homem na mesma pessoa, é por isso que o titulo diz que ‘’ela é meu homem’’.

Essas são as aventuras de Sigue Sigue Sputnik e seu álbum de estréia que uniu música, moda, cultura jovem, estratégia de marketing, música clássica, era espacial, bombardeios, ritmo punk, glitter, música eletrônica, ufa... quanta coisa junta... só que mais coisas viriam no lançamento de seu segundo trabalho – to be continued....

Reinaldo Pereira